Acusação contra Tonho da Grade (PP) é ARQUIVADA na Câmara de Vereadores

abril 23, 2014

tristonho da grade itajaieu tento entender. eu juro que tento. e, de certo modo, até entendo, mas, acho que prefiro dizer que não entendi o arquivamento do caso do vereador do PP (partido do prefeito Jandir) Tonho da Grade, que foi acusado de ter, através de sua empresa, prestado serviços terceirizados numa obra da prefeitura de Itajaí — note-se, e isso aconteceu sem ele nem mesmo precisar apresentar sua defesa!! sim, a alegação de que Tonho não era vereador naquele momento, 2012, é claro, parece proceder. mas aí pegamos o ano de 2011, no seu finalzinho, e lá estava o VEREADOR Tonho da Grade no cargo, conforme indica matéria da página da prefeitura de Itajaí (clique aqui para ler)!! ou seja, até o final de 2011, Tonho da Grade era vereador, provavelmente, assumindo a suplência de algum vereador. aí, decerto, saiu em 2012, ganhou uma obra na boiada (pois não teve nem que concorrer através da licitação, já que a empresa ganhadora da licitação resolveu contratá-lo), fez a obra, que era da prefeitura de Itajaí (do governo do PP), e, em 2013, voltou a ser vereador!

que lindo, não? mas calma, que piora!

mas, como disse, concordo, de certa forma, com o arquivamento da denúncia contra ele. aliás, contra ESTA denúncia, já que têm mais uma denúncia correndo contra ele (apesar de que dizem que vai ser arquivada também). porém, aí vem a pior bomba: a denúncia mais séria, que envolveria já Tonho da Grade como vereador, num caso de uma obra feita na Fundação Cultural de Itajaí parece estar parada, pois, oras, NÃO ESTÃO ACHANDO OS DOCUMENTOS, pelo menos, é o que indicava a coluna do JC ontem, no Diarinho, a seguir: Chá de sumiço - Documentos e notas entre a empresa Semofler, do vereador Tristonho da Grade (PP), e a fundação Cultural teriam tomado chá de sumiço. A prefa instituiu uma comichão, ops, comissão pra saber como, onde e por que os benditos papélis teriam empirulitado.  Mágicos… - Há quem garanta que áulicos do governo do paço da Vila Operária querem saber, também, como os documentos vazaram pra mão da vereadora BBB. Acreditam que o “mágico” que fez desaparecer misteriosamente os documentos também repassou pra oposição. Qui coisa, meu povo!

é, este é o governo dos amigos de fé, dominó e bola, como dizia o Jean Sestrem. e que ninguém ouse mexer com estes amigos, pois, papéis somem, processos no lombo de quem ousa criticar pipocam aqui e acolá, e eles, continuam nadando num mar de tranquilidade, nem se importando com possíveis manifestações populares, pois, o povo, oras, este, sorri como prometeu o prefeito na sua campanha de 2008, não?

O caso da propaganda nazista em Itajaí

abril 21, 2014
A força do Brasil e do brasileiro sempre esteve ligada a sua mistura de diferentes povos de várias partes do mundo!

A força do Brasil e do brasileiro sempre esteve ligada a mistura de diferentes povos de várias partes do mundo!

sinceramente, a foto que está circulando na internet desde ontem (e que me recuso a colocar aqui), mostrando uma foto do líder alemão do Nazismo, Adolph Hitler, num poste de Itajaí, bem próximo à igreja católica Matriz, no centro da cidade, é triste. porém, uma realidade, e, por isso mesmo, deve ser denunciada, como está sendo nas redes sociais. já estão comentando que a Polícia Federal já estaria no caso, visto que apologia ao Nazismo é crime INAFIANÇÁVEL no Brasil (e em quase todos os países europeus) e câmeras de segurança estariam sendo analisadas.

eu mesmo, já passei alguns perrengues com neo-nazistas aqui da cidade, principalmente no começo da popularização da internet, lá por 2001, quando recebi algumas ameaças de um destes que seguem esta doutrina, o qual apelidamos de “racistinha” (ou “nazistinha”, não me lembro direito), tamanho era sua inferioridade nos argumentos apresentados, típicos de quem continua achando que a cor da pele ou algo do tipo (como o local de nascimento) seja motivo para se achar alguém melhor ou pior que outrem.

P.S.: aos “comentadores” do Facebook: é quase uma doença mental querer comparar alguém que está cometendo um CRIME, no caso, fazer propaganda nazista, com alguém que queira propagar sobre o comunismo/socialismo. por favor, não seja idiota ao ponto de querer chegar perto de comparar as duas coisas, que são totalmente opostas. por favor!

stalin derruba hitlerP.S. 2: pros que falaram besteira quando citaram Stalin ou comunistas naquela colagem imbecil do Hitler aqui em Itajaí, olhem só o que fizeram (colagem feita hoje)! HISTÓRIA, meus caros, e aí está o cara que realmente GOLPEOU Hitler e o fez meter uma bala na cabeça com medo que fosse pego pelos Soviéticos em 30 de abril 1945!!! 
estudem, leiam (de verdade), interpretem, enfim, saiam do Facebook e vão conhecer o que realmente aconteceu, analisar os fatos que estão aí pra todos!

Todos os países que reduziram a maioridade penal não diminuíram a violência

abril 20, 2014

ser ou terNos 54 países que reduziram a maioridade penal não se registrou redução da violência. A Espanha e a Alemanha voltaram atrás na decisão de criminalizar menores de 18 anos. Hoje, 70% dos países estabelecem 18 anos como idade penal mínima

Por Frei Betto

Voltou à pauta do Congresso, por insistência do PSDB, a proposta de criminalizar menores de 18 anos via redução da maioridade penal.

De que adianta? Nossa legislação já responsabiliza toda pessoa acima de 12 anos por atos ilegais. Segundo o Estatuto da Criança e do Adolescente, o menor infrator deve merecer medidas socioeducativas, como advertência, obrigação de reparar o dano, prestação de serviço à comunidade, liberdade assistida, semiliberdade e internação. A medida é aplicada segundo a gravidade da infração.

Nos 54 países que reduziram a maioridade penal não se registrou redução da violência. A Espanha e a Alemanha voltaram atrás na decisão de criminalizar menores de 18 anos. Hoje, 70% dos países estabelecem 18 anos como idade penal mínima.

O índice de reincidência em nossas prisões é de 70%. Não existe, no Brasil, política penitenciária, nem intenção do Estado de recuperar os detentos. Uma reforma prisional seria tão necessária e urgente quanto a reforma política. As delegacias funcionam como escola de ensino fundamental para o crime; os cadeiões, como ensino médio; as penitenciárias, como universidades.

mais meritocraciaO ingresso precoce de adolescentes em nosso sistema carcerário só faria aumentar o número de bandidos, pois tornaria muitos deles distantes de qualquer medida socioeducativa. Ficariam trancafiados como mortos-vivos, sujeitos à violência, inclusive sexual, das facções que reinam em nossas prisões.

Já no sistema socioeducativo, o índice de reincidência é de 20%, o que indica que 80% dos menores infratores são recuperados.

Nosso sistema prisional já não comporta mais presos. No Brasil, eles são, hoje, 500 mil, a quarta maior população carcerária do mundo. Perdemos apenas para os EUA (2,2 milhões), China (1,6 milhão) e Rússia (740 mil).

Reduzir a maioridade penal é tratar o efeito, e não a causa. Ninguém nasce delinquente ou criminoso. Um jovem ingressa no crime devido à falta de escolaridade, de afeto familiar, e por pressão consumista que o convence de que só terá seu valor reconhecido socialmente se portar determinados produtos de grife.

Enfim, o menor infrator é resultado do descaso do Estado, que não garante a tantas crianças creches e educação de qualidade; áreas de esporte, arte e lazer; e a seus pais trabalho decente ou uma renda mínima para que possam subsistir com dignidade em caso de desemprego.
(…)

leia o artigo completo aqui

MP recomenda que Jandir&Dalva RESPEITEM o piso nacional para professores!!!!

abril 17, 2014

aí, depois as pessoas vão pras redes sociais reclamar da Educação como se fosse culpa do Governo Federal…

caramba, em Itajaí as coisas só funcionam assim???????? a retirada dos vergonhosos semáforos milionários só aconteceu mediante recomendação do MP, a fila nas creches só começou a ser seriamente pensada depois que levaram no lombo da Justiça, senão teriam de pagar multa diária entre outros casos parecidos, e, agora, o Ministério Público recomenda que em Itajaí, PASMEM, pague-se o piso NACIONAL para os professores, o que não estaria acontecendo!

professoressegundo a página, “o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) recomendou à Prefeitura Municipal de Itajaí que pague aos professores municipais o piso nacional estabelecido em lei”.
e olha que estamos DESDE 2011 sem pagar o piso definido lá em Brasília, e desde 2012 que o secretário de Educação, Edison d´Ávilla, um dos “imexíveis” de Jandir&Dalva, não dá um final para os trabalhos que iriam “estudar” uma proposta de implantação deste piso!!

continua o release: “A recomendação foi expedida pela 9ª Promotoria de Justiça da Comarcade Itajaí – com atuação na área da moralidade administrativa – após verificar, em inquérito civil, que a Lein. 11.378/2008, que estabelece o piso nacional da categoria, não é cumprida pelo município de Itajaí.

“De acordo com a Promotora de Justiça Darci Blatt, a legislação deveria estar sendo aplicada desde abril de 2011, quando o Supremo Tribunal Federal julgou a Lei 11.378/2008 constitucional. No entanto, a comissão constituída pela Secretaria Municipal de Educação de Itajaí em maio de 2012, com objetivo de elaborar proposta de implantação do piso nacional, até hoje não concluiu os trabalhos.

“Na recomendação, a Promotora de Justiça alertou o Prefeito Jandir Bellini e o Secretário Municipal de Educação Edson d’Ávilla que o não cumprimento do estabelecido na legislação caracteriza ato de improbidade administrativa e recomendou a implantação do piso mínimo nacional e da hora atividade fixados pela Lei n.11.378/2008. O prazo para resposta sobre o atendimento ou não da recomendação é de cinco dias.”

Imagem comprovaria que Pissetti continuava trabalhando no seu escritório

abril 16, 2014

pissetti-trabalhandoesta imagem ao lado foi tirada da página do Facebook do Itajaí Deprê, e foi postada no dia 5 de fevereiro DESTE ANO de 2014, mostrando o sr. Pissetti no mesmo escritório que ganhou a tal dispensa de licitação para o Porto de Itajaí. me parece que na defesa do vereador e atualmente secretário do Jandir e da Dalva, ele não estaria mais trabalhando no escritório que leva o seu nome.
porém, esta imagem aí, que foi mostrada na Ric Record no começo do ano, mostra uma coisa totalmente diferente, não?
ou isso não faz diferença alguma?

comparacao casas pissettijá na imagem ao lado, comparei a casa que fica na frente do tal escritório, na Rua Lauro Muller (próximo à esquina com a Joca Brandão), e vejam se não é a mesma? na imagem que foi tirada da Ric Record, dá até pra ver um galho do pinheiro que fica na frente da casa.

provavelmente, pra imprensa, não fará, pois nem se darão ao trabalho de mexer mais no caso do que já foi mexido pelo próprio Ministério Público.

Porto teria contratado escritório de advocacia de secretário de Jandir&Dalva

abril 15, 2014

jandir advogado pissettipois é, parece ridículo, né? quer dizer, mais do que parece, porém, deixaremos para a Justiça a resolução e definições sobre este fato nebuloso, aliás, MAIS este fato nebuloso do governo Jandir&Dalva, porém, o que rola nos bastidores (e quase escancaradamente), é de que a contratação do escritório do Pissetti (DEM), que é vereador e atualmente ocupa uma das principais secretarias do governo Jandir&Dalva teria acontecido porque, oras, eles precisariam de alguém “de confiança”!!! o contrato foi tão bom que, o que era pra durar um ano, foi prorrogado por mais três anos! com o seu e o nosso dinheiro público, mas, que de público, não tem muito não, já que tem servido especialmente, pelas (poucas) manchetes dos (poucos) jornalísticos, para dar trabalho&dinheiro para os chegados da Bellinilândia, só pra lembrar, isso já vem desde os primeiros meses do governo Jandir&Dalva com o famoso (alguém ainda lembra?) rolo da empresa Argolo, que chegou a ganhar dispensa de licitação antes mesmo de existir — e que hoje ainda ocupam cargos de confiança na prefeitura!!! –, a compra sem licitação dos semáforos milionários (agora, já com ação do MP!), a mortalidade infantil que vem crescendo, por culpa de problemas da gestão da Saúde, os dois ex-secretários de Saúde que estão sendo processados, o recente escândalo do vereador que fez obras públicas, o transporte público integrado que não fica pronto desde a gestão do PT, terminada em 2008, a via expressa também começada na gestão do PT que não termina nunca — e os consequentes problemas de Mobilidade Urbana –, os seriíssimos problemas da Educação Infantil da cidade, a loja de carros que era do sub-prefeito e que ganhou licitação para reformas de postos de saúde, o restaurante popular que não sai da gaveta etc. etc.!!!! tudo isso e muito mais em nome do povo de Itajaí, esse anônimo que não frequenta as rodas sociais do Reino do Itamirim.

mas, não se revolte, não, caro itajaiense, pois ainda temos cerca de três anos para continuar beneficiando os mesmos de sempre, mais três anos de puro descaso com o povo, com as causas sociais, com o trânsito, com a habitação, enfim, com todos nós, pois, se não estás do lado deles (puxando o saco e/ou se beneficiando de alguma forma), és só mais um na multidão, que será lembrado na época das eleições.

A solução para os problemas de Segurança Pública

abril 9, 2014

minha coluna desta semana no jornal Sem Censura:

Eita palavras tão usadas atualmente, não? É segurança pública pra cá, segurança pública pra lá, todo mundo fala de segurança pública, todo mundo quer segurança pública, todo mundo – ou quase todo mundo – entende que só tem uma saída pra segurança pública: POLÍdesigual camboriu bcCIA; policiamento; ostensividade; patrulhamento; policiais na rua. Mas, a pergunta que sempre me faço é: em quais ruas? Todas? Sério que um dia conseguiremos colocar policiais em quase todas as ruas da cidade? Todas com carros da PM circulando? O “big brother” observando a todos o tempo inteiro? Sério mesmo que acreditam nisso, vocês que gritam pelas redes sociais e entrevistas e discursos nos legislativos e executivos?

Não, né? Ninguém acredita. Mas todos fingem que acreditam. É melhor continuar bradando: queremos segurança pública! Em Itajaí até já se falou que a Guarda Armada não vai resolver todos os problemas de… segurança pública, mas, teremos, oh, a SENSAÇÃO de segurança!! Sério! Se investirá milhões de reais pra termos… sensação de segurança! E isso nos bastará! Claro que as manchetes de assassinatos (na periferia, quando merecerem manchetes) continuarão, casos de homicídios continuarão, basicamente, do mesmo jeito. Pois estes fatos continuarão acontecendo, onde sempre acontecem: NA PERIFERIA. Pois lá, bem, lá, já sabemos, o povo continuará sem acesso à políticas sérias, POLÍTICAS SOCIAIS de verdade, que os beneficiem, que levem Educação e Saúde e Habitação e Cultura. Mas o que queremos mesmo é policiais nas ruas (“nas NOSSAS ruas”), queremos guarda armada (“pra patrulhar o NOSSO belo bairro super-valorizado”). E, claro, a “opinião pública” será levada a crer que isso é para o bem dela. O povo achará que estará melhor, mais seguro, pois, oras, lá no centro da cidade, o patrulhamento será forte, ostensivo, e acabarão (ha ha ha) os assassinatos de “pessoas de bem(s)” nos belos bairros da nossa cidade! E a imprensa, que não dá muita bola pras mortes na periferia, começará a dar loas pela “sensação de segurança” que estaremos vivendo (na parte “boa” da cidade), enquanto, é claro, as estatísticas de mortes continuarão praticamente inalteradas.

Mas, querem a solução? Não há solução! Não a curto prazo, nem a médio. Vivemos sob o jugo do Capitalismo, e o Capitalismo precisa da pobreza (que vende barato sua mão-de-obra). “Ah, mas temos países ricos, onde não há pobreza”. Sim, mas ALI não há pobreza. E quase certamente porque a pobreza foi/é gerada em outro lugar para gerar a riqueza daquele “país rico” (ou acham que a Europa é rica porque são melhores que nós?); um exemplo local é Balneário Camboriú e Camboriú. E é assim que será, ainda, por muitos anos, décadas. Continuaremos com um contingente grande de marginalizados, e a única “solução” é esta apresentada pela maioria da classe política e afins: mais polícia. Depois, quando percebermos que esta não é a solução, restará a segregação dos bairros periféricos; isso mesmo, quem vive nas periferias violentas praticamente estará isolado do resto da cidade (como já vem acontecendo, sorrateiramente, aos poucos). E, assim, o Capitalismo seguirá, “invencível”, contando com o apoio, inclusive, dos que são marginalizados, oprimidos pela pujança dos cada vez mais ricos (“ah, trabalharam tanto pra isso, né?”), inventando novas fórmulas para corrigir seus problemas cíclicos, até, quem sabe, a destruição de todas as riquezas naturais do nosso planeta, tudo para consumirmos coisas que não precisávamos, mas, que enriquecem ainda mais alguém – e, consequentemente, mantendo outros na marginalidade. Esse é o resumo dos nossos problemas, inclusive, o da segurança pública.

Dinheiro de doações da enchente de 2008

abril 6, 2014

vou resumir a matéria do Diarinho deste final de semana, é bem simples de entender: a prefeitura ganhou da Defesa Civil catarinense, VINDO DE DOAÇÕES da enchente de 2008, 700 mil reais, para a compra de um terreno onde seriam realocadas famílias que foram seriamente atingidas na enchente e moravam em áreas de risco.
a prefeitura comprou o terreno.
e até hoje já tivemos até outra enchente e a prefeitura não começou a fazer as casas pra estas famílias.
mas, calma, agora vem o pior.
o secretário de Habitação, Laudelino Lamim (PMDB), diz que não dá mais pra construir no tal terreno comprado com a grana das DOAÇÕES da população, pois ali seria uma zona industrial.
o Diarinho entrou em contato com o secretário Paulo Praun, do Urbanismo, e ele disse que ali podia sim ser construídas casas.
depois disso Lamim disse que estava errado.

sério.
sério???????
e o que vai acontecer depois disso? nada. como já vem acontecendo desde que Jandir/Dalva assumiram o trono, digo, a prefeitura. o povo continuará sofrendo, vendo, de vez em quando, barquinhos vindo aqui a custa de milhões de reais, vendo uma Marina sendo construída pra quem tem muuuito dinheiro. vendo a Marejada indo pro buraco, o Festival de Música, que tinha começado a ir pros bairros, indo pro mesmo buraco. enfim… o que dizer, né?

Um dia na vida de um coxinha

abril 4, 2014

 minha coluna para o jornal Sem Censura deste começo de abril:

coxinha varias“Papai me deixou há pouco na academia. Estava aqui batendo um papo com uns bróders, e tava mostrando pra eles no meu ‘mobile’ as postagens que fiz hoje no Facebook, e dando altas risadas. Mostrei uma daquela presidentezinha, a comunista [ahn? Se eu sei o que é isso? Sei sim, eles mataram milhões uns anos atrás, e queriam dominar o Brasil igual dominaram Cuba e a Venezuela], ela com uma cara bem feia, comparando ela com uma guria bem gatinha, mas nem lembro mais qual o sentido da comparação.

estupro“Depois, curti e comentei a foto que um amigo publicou de uma empregada lavando a louça, e dizendo: ‘ninguém é estuprada em casa lavando a louça’, e nesta hora, meus bróders quase caíram no chão de tanta risada. E vi uma comparação massa pra caramba, dizendo que se a culpa é do estuprador, como é que quando há um assalto, a culpa é do Sistema e não do assaltante, hein? Aí um deles contou que estes dias deu um tapa na cara da namorada, pois ela disse que não queria ‘liberar’ pra ele e coisa e tal. Mandou ela descer do possante dele, deixando a guria no meio do nada. Mas disse que se arrependeu e voltou pra buscar. Falou que só queria dar um cagaço nela. Então, é claro, depois da empregada, o assunto óbvio era as cotas, e meu outro bróder mostrou a foto dum negão chorando porque tinha perdido sua vaga de cota prum índio, e nós, de novo, demos muitas risadas, cara! Esse negócio de cota é uma safadeza com a gente que se esforça, com quem trabalha duro [eu?, não, nunca trabalhei na vida, né?, tanto é que tô aqui, meio da tarde de um dia de semana pegando pesado na academia! Ha! Ha! Ha!].

ditadura militar corrupta“E foi nessa hora que passou um guri, negro, um empregado da academia, que veio de outro país, acho que lá da África, sei lá, um imigrante ou emigrante, não sei bem, sempre me confundo com essa língua portuguesa maldita – bom mesmo é o inglês, que é muito fácil [não, não, sempre tiro nota baixa nessa porcaria, culpa do professor, aquele com cara de esquerdista]. Aí, é claro, nós ficamos rindo baixinho da coincidência de estarmos bem naquele momento falando sobre as cotas e de como isso é injusto com a gente. Eles é que são racistas. Na verdade, o sistema de cotas é racismo puro desse governo comuna que tá aí! Já estamos sob uma ditadura! Só não vê quem não quer!! Nós temos é que ir pras ruas de novo, gritar pra por fim a essa ditadura comuno-gayzista que está em Brasília, esse partido corrupto que compra os pobres com bolsa-família. Na verdade, pobre nem devia votar. Já vi um monte de bróders meu falando disso, e mujica lulaconcordo! É fácil comprar essa pobretada com um sacolão. Tem que ensinar a pescar, não dar a vara. E a Copa do Mundo? Eu e meus bróders estamos só esperando os protestos começarem lá no Rio e São Paulo pra irmos pras ruas aqui também! Vamos exercer nosso direito e tentar derrubar essa presidAnta do poder! Chega de vermelhóides, petralhas! Queremos homens decentens mad opinioes veja globo[Quem? Não sei, qualquer um parecido com meu pai, ou seus amigos. Homens de bem!], não estes analfabetos ou ex-terroristas! Na verdade mesmo, o bom era voltar o tempo dos militares! Meu pai diz que era muito melhor naquele tempo, que se podia andar nas ruas dos bairros nobres sem ser incomodado pela pobreza, que ficava no seu devido lugar, ou com medo de assaltos, pois o pau comia, mas só pra vagabundo. E diz também que ganhou muito dinheiro naquela época, pois não havia sindicatos pra pentelhar, nem estes montes de impostos que, hoje, quebram nossos empresários!

“Bem, agora eu tenho de ir, pois hoje não tava mesmo muito a fim de fazer força, e tá na hora do tomar meu toddynho em casa. Falou galerinha gente boa!”

Schmithausen, agora vai?

março 31, 2014
Deixaram a avenida totalmente abandonada. E, agora, surge a CVI com a solução milagrosa! Ave!

Deixaram a avenida totalmente abandonada. E, agora, surge a CVI com a solução milagrosa! Ave!

vai, talvez, pro jogo demagogo que, segundo dizem nos bastidores, está acontecendo neste momento ali na via, enquanto vários representantes da Câmara de Vereadores estão ali numa “manifestação”, ou sei lá como chamam aquilo.
pelo que dizem, tudo já está acertadíssimo, a quantia que virá ou que será destinada para a “reformulação” da avenida Reinaldo Schmithausen, e, os vereadores, numa manobra pra tentar melhorar a imagem totalmente queimada que têm com a população, estão ali dizendo que isto irá acontecer, provavelmente, porque a CVI é que foi pras ruas.

sério. mas, como disse, toda a verba que virá, parece que cerca de dez milhões de reais, já estaria toda certinha, com tudo assinado, faltando apenas alguns trâmites legais pra começarem a melhorar uma das mais importantes vias da cidade, principalmente enquanto a Via Portuária fica no limbo das preocupações governamentais em Itajaí.

aliás, vai adiantar recapar a Schmithausen, para, em seguida, entupi-la de caminhões novamente?


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 885 outros seguidores