E aí, prefeito Jandir, Taser mata ou não mata?

[tweetmeme source=”romulomafra” only_single=false]há pouco mais de um ano, Itajaí vivia uma discussão acirrada, por conta de uma iniciativa meio tresloucada dos manda-chuvas da Codetran e da secretaria de Segurança, que tentaram enfiar goela abaixo o uso da arma Taser para os guardas da coordenadoria de trânsito da cidade.
chegaram a mostrar na televisão guarda da Codetran levando choque e tudo, com direito a gargalhadas dos superiores.
em seguida, numa tentativa de dar mídia pro negócio, até o prefeito Jandir entrou na roda declarando à reportagem do Diarinho que “Itajaí estaria na vanguarda” e que “Taser não mata“.
mas, a força da internet foi mostrada nesta hora, e eu e mais alguns, como o ex-colunista do Diarinho Fernando Alécio, mostramos imagens e dados de vários lugares do mundo provando que sim, a arma Taser mata e mata muito, para uma arma considerada não-letal.
e, então, de uma compra “praticamente garantida”, tudo virou um enorme silêncio e o prefeito, disseram, não podia mais nem ouvir falar da tal arminha pros guardas da Codetran. abaixo, trecho do meu post intitulado “Taser mata sim, prefeito“.

abaixo, trecho de uma matéria informando da morte de um homem pela arma Taser em Florianópolis neste domingo. lembrando que outro brasileiro fora morto pela mesma arma dias atrás na Austrália:

Um homem de 33 anos morreu na madrugada de domingo (25) em Santa Catarina após ser imobilizado por policiais militares com o uso de choques elétricos de uma pistola taser. Segundo informações do 21º Batalhão da PM de Santa Catarina, a ocorrência ocorreu por volta das 4h40 de domingo, quando a mulher da vítima ligou para a polícia afirmando que o casal estava discutindo e o marido estava destruindo o apartamento, localizado no bairro dos Ingleses, na ilha de Florianópolis.
A PM informou que ao chegar ao apartamento do casal, encontrou o rapaz, que é assistente de controladoria, descontrolado e afirma que aparentava ter feito de uso drogas. Os policiais fizeram uso da taser para imobilizar o homem e só perceberam que ele estava sem sinais vitais após acionarem apoio.

Anúncios

Uma resposta to “E aí, prefeito Jandir, Taser mata ou não mata?”

  1. Hélio Jorge Cordeiro Says:

    Taser no …. dos outros é refresco, Mafra!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: