Maioria dos vereadores não aceita votar proposta vergonhosa de aumento enviado pelo governo

camara de vereadores itajai aumento

e nesta sexta, já tem nova assembleia para deliberar sobre a continuidade das negociações

é, ontem foi uma noite difícil para os governistas, inclusive para os vereadores da base, que, pressionados pelo Sindicato e pelos funcionários públicos municipais, que não estavam nem um pouco contentes com mais este quinto ano do mandato de Jandir Bellini sem um aumento efetivo e que corrigisse algumas defasagens pedidas pelo sindicato, votaram para não aceitar o requerimento enviado pelo prefeito em caráter de urgência nesta terça-feira, onde oferecia apenas 7% de reposição salarial aos trabalhadores.

somente votaram a favor o líder do governo Afonso Arruda (PMDB), Elói Camilo da Costa (PMDB) e Paulinho Amândio (PDT). todos os outros foram contra que se votasse na terça esta proposta, abrindo espaço para mais negociação entre o sindicato e a prefeitura de Itajaí.

abaixo, um artigo do meu amigo Gerd Klotz que analisou a situação causada pelo próprio governo com este descaso com seu funcionalismo municipal:

SERVIDORES MUNICIPAIS DE ITAJAÍ MERECEM RESPEITO!reajuste assembleia itajai

O governo Jandir Bellini sofreu uma derrota na noite desta terça-feira na votação do reajuste dos servidores municipais?

Sim!

Porém mais que uma derrota do governo, foi uma vitória do bom senso!

Prevaleceu no legislativo a visão de que não cabe ao mesmo ser um mero aprovador de projetos do executivo, ainda mais quando eles impactam na vida de alguns milhares de servidores e seus familiares.

Servidores municipais mais bem remunerados ( e eles através de seu sindicato presidido pela Elianinha Corrêa, só o que almejam é a reposição das perdas salariais que já acumulam mais de 16%) trabalharão com mais afinco, com mais tranqulidade, pois além de se fazer justiça à categoria, terão o agasalho de um pouco mais de dinheiro no bolso para melhorarem a condição de vida, ou , ao menos, não diminuí-la, não piorarem, não perderem o poder aquisitivo aos bens necessários de consumo e aqueles que a constituição garante, mesmo que ainda não totalmente alcansáveis , apesar dos ganhos salariais promovidos pelos governos Lula e Dilma do PT, nos últimos 10 anos.

O que não pode acontecer é um governo, no caso o patrão, no curso de uma negociação salarial, não aguardar a decisão de uma assembléia dos funcionários que se deu na segunda-feira a noite (na noite anterior à sessão do legislativo) e encaminhar projeto à câmara propondo um índice de reajuste não acordado pelas partes, de apenas 7%.

E ainda tentar desqualificar, desmentir e atropelar a liderança sindical e toda a categoria, enviando-a em caráter de urgência projeto à aprovação da Câmara de Vereadores, para criar um fato consumado.

Isto tem nome…

E é desagradável…

Na sexta a noite os servidores municipais se reunem novamente em Assembléia da categoria (na sede do sindicato, na frente do colégiio Nilton Kucker) para discutir o encaminhamento das negociações e as estratégias a serem adotadas daqui pra frente, para dar continuidade a negociação salarial com o governo.

TODA FORÇA E APOIO AO SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL DE ITAJAÍ E AO SINDICATO DA CATEGORIA!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: