Paulinho Bornhausen no Porto de Itajaí?

Não é que essa notícia, que tem corrido a cidade nos últimos dias, pode ser verdade? Porém, esse movimento “tragam um Bornhausen para administrar sua capitania novamente” não tem deixado muita gente do governo Bellini feliz, não.

E o motivo mais óbvio disso tudo, é claro, é que a possível vinda do filho mais “célebre” do Jorge Bornhausen vindo pra assumir o Porto (a famosa “galinha dos ovos de ouro” da cidade bornhausenlandiae que Jandir Bellini e sua administração conseguiram fechar o ano com o Porto em uma de suas maiores crises – ah se isso estivesse acontecendo no Governo Federal, já pensaram como nossos cola-brancas estariam berrando aos quatro ventos que a culpa era da Dilma?), atrapalha os planos da galerinha que está no governo e quer tentar ser o sucessor de Jandir Bellini. Pelo que dizem, no PP, esta possível vinda do Bornhausen pra assumir a quebraceira que a atual administração deixou, é uma tragédia eleitoral, já que joga a possibilidade grande de o manezinho da Ilha se tornar o preferido do próprio Jandir na sua sucessão e, aí, os pepistas aqui de Itajaí que sonham em serem“ungidos”, ficarão novamente fora da jogada (sendo que dizem que dois deles são Gern e o presidente do partido, Tarcisio Zanellato, mas, não esqueçamos da mana do prefeito, a Susi).

Isso também, sem contar os outros aliados do atual governo e que tem suas devidas pretensões na eleição municipal de 2016! Sendo um dos principais, a própria vice-prefeita Dalva Rhenius, que é do partido do Paulinho Bornhausen, inclusive – pode rir, os dois são, atualmente do… Partido Socialista Brasileiro!!!! É isso aí! Socialistas! Pronto, fim da piada.

Isso é algo que venho dizendo há tempos, será que todo mundo acredita que a Dalva será, pela terceira vez, candidata a vice-prefeita? Se não vai, ela se lançará na cabeça de chapa, certo? E o PP aceitará isso? O atual presidente da Câmara Osvaldo Gern, ou o outro virtual candidato a prefeito (do qual eu duvido muito) ou a Susi deixarão a chance escorrer pelas suas mãos?, pois, o que quase todo mundo tem em mente pra 2016, é que as chances de se elegerem serão para todos (mas, é claro, vai se eleger aquele que tiver a melhor coligação em conjunto com a melhor proposta – a segunda opção, infelizmente, não é levada em consideração pela população tanto quanto eu queria, devo dizer). Acho muito difícil, e é aí onde nasce o racha que vai jogar os partidos cada um para o seu lado, para, depois, obviamente, alguns se reagruparem nas suas devidas coligações.

E resta esperar este movimento no jogo de xadrez da sucessão de 2016 – não se enganem, se o Paulinho vier mesmo, a única intenção nisto tudo será a sucessão de 2016 – que pode movimentar várias peças um pouco mais cedo do que o esperado.

da minha coluna no Sem Censura

Tags: , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: