Meninos Cantores invadem Itajaí a partir desta quarta

Sem título-1São apenas treze coros no Brasil inteiro. No mundo, cerca de 40 mil cantores espalhados por 35 países de todos os continentes conhecidos internacionalmente como “Pueri Cantores”. Aqui no Brasil eles são chamados de Meninos Cantores e estão distribuídos por três regiões, Sul, Sudeste e Centro-Oeste; e Itajaí receberá a partir desta quarta, 20, no XIV Congresso Regional Sul da Federação dos Meninos Cantores do Brasil, coros de Santa Catarina (das cidades de Xaxim, Nova Erechim, bem como o coro que recepciona o evento, o Carpe Diem, aqui de Itajaí), Rio Grande do Sul, com um coro de Novo Hamburgo, Paraná, de onde vem o coro de Campo Largo, e dois coros convidados de Minas Gerais, de Itabirito e Sete Lagoas, este último, ainda com problemas para vir, por motivos de falta de apoio do poder público de sua cidade.

Federação Internacional

A Federação Internacional de Meninos Cantores foi criada efetivamente somente em 1944, porém, a tradição de meninos cantores na igreja Católica vinha de longa data, e com a renovação musical litúrgica pretendida pelo papa São Pio X a partir de 1902, foi criado o primeiro coro dos Pequenos Cantores da Cruz de Madeira (Petits Chanteurs de la Croix de chorus pueri cantoresBois) em Paris e que cantou pela Europa pedindo a paz enquanto o mundo logo mergulhava nas duas Grandes Guerras Mundiais que não conseguiram destruir o objetivo daqueles pequenos cantores. Então, no penúltimo ano da Segunda Guerra Mundial o arcebispo de Paris, Monsenhor Suhard autorizou a criação desta organização mundial que sobrevive até hoje. Em 11 de novembro de 1944 o criador do primeiro coro dos Pequenos Cantores, Fernand Maillet realizava o primeiro concerto com 300 cantores na igreja de Santo Eustáquio. O primeiro congresso internacional se realizou em Roma já com 90 coros europeus em 1947, seguindo-se congressos em 49 e 51, até que em 1965 a Santa Sé aprovou os estatutos da federação e os Pueri Cantores começaram a fazer parte oficialmente da Igreja Católica Apostólica Romana no movimento eclesial, dentro do Conselho Pontifício para os Leigos

A partir de 1995 e 2001, com mudanças no estatuto da federação, a entrada de meninas começou a ser aceita. Lembrando que o fato de hoje meninas só serem aceitas até os 18 anos — o que ainda é um fato recente — e de homens poderem fazer parte até a idade que puderem cantar, se dá por conta de ser necessário num coro as vozes masculinas (ou escuras), que são os tenores e baixos e são vozes que só aparecem na maturidade humana, ao contrário das vozes claras, sopranos e contraltos, onde crianças podem cantar tranquilamente nesta região, e, é o objetivo dos Pueri Cantores.

Congresso a partir desta quarta

nacional98Como na primeira apresentação da Federação lá em 1944, cerca de 300 cantores estarão em Itajaí nestes quatro dias de congresso. Elea ficarão hospedados em sete comunidades da cidade, São João, São Vicente, São Cristóvão, Vila Operária, São Judas, Dom Bosco e Fazenda, mantendo a tradição da federação nacional que é hospedar os meninos e meninas cantoras nas casas da comunidade, fazendo assim parte da integração entre a população que recepciona com os cantores que trazem suas peculiaridades e seu cantar. Todas estas comunidades, exceto São Judas e Dom Bosco (que infelizmente não puderam participar oficialmente das hospedagens) também receberão uma apresentação do coro hospedado na missa de domingo pela manhã, que será o último evento do congresso, portanto, agende-se para a manhã de domingo, 24, nas paróquias citadas.

Já a abertura do congresso dos Meninos Cantores será na quinta-feira, 21, com as apresentações do coro anfitrião, o Carpe Diem, que completa neste mesmo dia trinta anos de existência, também parte da programação. A partir das 20h, o coro infantil Carpe Diem, em seguida o Coro Carpe Diem, seguindo apresentações de solo, trio (piano, cello e violino), orquestra de Câmara do IMCARTI, coro e orquestra, e pra finalizar a noite, o grande Coro do Congresso, com todos os coros cantando juntos Ave Maria (de Caccini) e Va, Pensiero de Verdi. Já na segunda noite, será o Concerto de Gala da Federação, com cada um dos sete coros apresentando-se sozinho, e no final, todos cantam novamente as duas músicas do Coro do Congresso. No sábado, é a vez da Missa de Encerramento na Matriz do Santíssimo Sacramento, no Centro de Itajaí, a partir das 19h30. Esse é ponto alto do congresso, quando todos os coros cantam juntos toda a parte regular da missa. Neste congresso de Itajaí, será apresentado a Missa João Paulo II, do catarinense José Acácio Santana, falecido em 2015, missa escolhida especialmente pelo maestro do Carpe Diem, Paulo Sezerino. “Quisemos homenagear um dos maiores compositores contemporâneos de música sacra de Santa Catarina e o próprio Carpe Diem desde o seu início cantou músicas de José Acácio, então nada melhor que prestar esta homenagem a sua memória”, destacou o também presidente do IMCARTI – Instituto de Música, Canto e Arte de Itajaí, que completa seus 30 anos juntamente com o coro neste 21 de julho. Todos os eventos são com entrada gratuita.

10557373_693955420684239_2469745300590753175_nA rotina dos coralistas que vêm de várias partes do Brasil será também intensa, já que todos só terão três dias praticamente para juntarem suas vozes e ensaiarem as partes da missa que cantarão no sábado. “Todos eles já têm desde o começo do ano as partituras para ensaiarem nas suas cidades as músicas que cantarão em Itajaí, tanto as da missa como as músicas que fecham todas as noites do congresso”, lembrou Sezerino. No domingo, após os coros cantarem nas paróquias hospedeiras (São Cristóvão, São Vicente, São João e Fazenda — somente na Vila, que não tem missa aos domingos de manhã, terá o coro cantando na sua celebração no sábado às 18h), todos irão ter o almoço de despedida, e em seguida, voltam para suas cidades.

Congresso Internacional no Brasil em 2017

2013E pela primeira vez a América Latina a Federação Pueri Cantores sediará um congresso internacional, e será no Brasil, no mês de julho. O Coro Carpe Diem ainda terá que passar, como todos os coros brasileiros e de todos os outros países, por uma seleção que acontecerá antes para poder se habilitar a participar deste que será sem dúvida o maior evento dos Meninos Cantores das Américas, no ano que vem. “Será uma honra representarmos Itajaí, o Vale do Itajaí ou quem sabe Santa Catarina num congresso internacional, que é o nosso sonho desde que entramos na Federação em 1992”, pontuou Paulo Sezerino.

O que: Congresso Regional Sul dos Meninos Cantores do Brasil

Onde e quando: dia 21 e 22 no clube da Vila, às 20h, 23 na igreja Matriz do Ssmo. Sacramento às 19h30 e 24 nas paróquias hospedeiras durante a missa da manhã de domingo

Quem:
Coral Dom Silvério (MG)
Canarinhos de Itabirito (MG)
Coro Arautos do Grande Rei (SC)
Canarinhos de Campo Largo (PR)
Coro Carpe Diem (SC)
Coral dos Meninos Cantores de Nova Erechim (SC)
Meninos Cantores da Catedral (RS)

Fotos: coro de Meninos Cantores (Pueri Cantores) do Vaticano; Congresso Nacional dos Meninos Cantores em Itajaí no ano de 1998; congresso dos Meninos Cantores em Campo Largo em 2014; Congresso dos Meninos Cantores em Sete Lagoas em 2013

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: